segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Quanto vale o seu voto?


Nesses dias pré-eleição e passando por poucas e boas que não me permitiram atualizar essa bagaça aqui. Eu tenho que perguntar a vocês, quanto vale o seu voto?

Aqui na ilha maravilha (vocês viram as reportagens do Fantástico e do Jornal Nacional sobre Imperatriz e Pinheiro, duas cidades aqui do Maranhão?) é um absurdo de carro com adesivo e vidro traseiro 'lotado' de candidato. E eu me pergunto, onde esteve esse povo 'politizado' que briga pelo seus candidatos durante esses tempos? Ou então, quanto custa essa inserção marketeira no trânsito? Ou mesmo um vale-combustível de R$ 20,00 por semana é crime eleitoral?

Vendo essas coisas eu fico pensando que o povo deve adorar mesmo tomar no cu...

terça-feira, 27 de julho de 2010

A febre da batalha


E Kjartan permanecia vivo. Trinta e quatro homens continuavam com ele e sabiam que estavam mortos, e estavam preprados para morrer como dinamarqueses, mas então Ragnar foi em sua direção, com as asas de águia do elmo quebradas e molhadas. Apontou silenciosamente a espada para Kjartan, que assentiu e saiu da parede de escudos. (...)

- Eu matei seu pai - disse Kjartan a Ragnar com um riso de desprezo - e vou matar você.

Ragnar ficou quieto. Os dois estavam separados por seis passos, avaliando-se.

- Sua irmã foi uma boa puta antes de enlouquecer. - Kjartan saltou adiante, com o escudo erguido, e Ragnar ficou de lado para deixá-lo passar. Kjartan previu o movimento e girou a espada baixa para para cortar os tornozelos de Ragnar, mas Ragnar havia recuado. Os dois se olharam de novo. - Ela era uma boa puta mesmo depois de enlouquecer - só que tínhamos que amarrá-la para impedir que lutasse. Para ficar mais fácil, sabe?

Ragnar atacou. Escudo alto, espada baixa, os dois escudos se chocaram e a espada de Kjartan aparou uma estocada por baixo. Os dois arfaram, tentando derrubar um ao outro, e então Ragnar recuou de novo. Havia descoberto que Kjartan era rápido e hábil. (...)

- Eu matei seu pai - alardeou Kjartan, e sua espada arrancou uma lasca de madeira do escudo de Ragnar. - Queimei sua mãe. - Outro golpe ressou na bossa do escudo. - E usei sua irmã como puta - disse ele, e o próximo golpe de espada fez Ragnar recuar dois passos. - E vou mijar no seu corpo estripado - gritou Kjartan, revertendo o giro da espada. Em seguida fez com que ela viesse baixa de novo contra os tornozelos de Ragnar. Desta vez acertou e Ragnar cambaleou. Sua mão mutilada havia abaixado instintivamente o escudo e Kjartan levantou seu próprio escudo sobre o topo, para derrubar o inimigo. Ragnar, que não tinha dito nada durante toda a luta, gritou subitamente. Por um instante pensei que era o grito de um condenado, ma era de fúria. (...) E de repente era todo raiva e movimento; era como se tivesse acordado. (...) E Kjartan, que pensava ter encontrado a medida do inimigo, ficou subitamente desesperado. Não tinha mais fôlego para insultos, apenas para se defender, e Ragnar era todo ferocidade e rapidez. Golpeou Kjartan, fez com que ele se virasse, golpeou de novo, estocou, retorceu-se para longe, fintou baixo, usou o escudo para afastar a espada do outro e varreu com a sua, Quebra-coração, acertando o elmo de Kjartan. Amassou o ferro, mas não o rompeu. (...) Seu próximo golpe despedaçou uma das tábuas de tília do escudo de Kjartan, o seguinte arrancou a borda do escudo, partindo o aro de ferro. Kjartan recuou, e Ragnar estava berrando, um som tão horrível que os cães ao redor de thyra começaram a ganir imitando.

Mais de duzentos homens olhavam. Todos sabíamos o que aconteceria agora porque a febre da batalha havia dominado Ragnar. Era a fúria de um guerreiro dinamarquês. (...) Ragnar passou por cima dos movimentos frenéticos da espada pesada do inimigo e golpeou forte com Quebra-coração. O golpe rompeu a manga de malha de Kjartan e cortou os tendões do braço da espada. Kjartan tentou se levantar, mas Ragnar chutou seu rosto, depois baixou o calcanhar com força sobre a garganta de Kjartan. Kjartan sufocou. Ragnar deu um passo atrás e deixou que o sofrido escudo deslizasse do braço esquerdo. (...)

Foi uma morte lenta, mas Kjartan não gritou nem uma vez. (...) Ragnar deixou Quebra-coração ali e recuou enquanto Kjartan se retorcia nas dores da morte. Foi então que Ragnar olhou para a chuva no alto, sua espada abandonada balançando-se, prendendo o inimigo no chão, e gritou para as nuvens: - Pai! Pai! - dizia a Ragnar, o velho, que seu assassino estava vingado.
Os Senhores do Norte (Crônicas Saxônicas - Livro III) - Bernard Cornwell

terça-feira, 20 de julho de 2010

جمهوری اسلامی افغانستان


O Afeganistão (oficialmente, República Islâmica do Afeganistão, د افغانستان اسلامي جمهوریت em pachto, جمهوری اسلامی افغانستان em persa) é um país sem saída para o mar no centro da Ásia. É comumente designado como um país da Ásia central, da Ásia meridional e do Oriente Médio. Possui vínculos religiosos, etno-lingüísticos e geográficos com a maioria dos países vizinhos. Limita com o Paquistão ao sul e ao leste, com o Irão a oeste, com o Turcomenistão, o Uzbequistão e o Tadjiquistão ao norte, e com a China a nordeste. O nome do país significa "terra dos afegãos".

O país é um cadinho cultural entre o Ocidente e o Oriente e tem sido um antigo ponto focal para o comércio e a migração. Sua localização é estratégica, ao ligar o sul, o centro e o sudoeste da Ásia. Ao longo de sua história, o país assistiu a diversos invasores e conquistadores, embora em outras ocasiões reinos locais tenham invadido as regiões vizinhas. O Império Durrani, fundado por Ahmad Shah Durrani em 1747, tinha por capital a cidade de Kandahar; posteriormente, a capital foi transferida para Cabul e a maior parte do seu território foi cedida a países vizinhos. No final do século XIX, o Afeganistão tornou-se um Estado-tampão envolvido no "Grande Jogo" entre o Império Britânico e o Império Russo. Em 19 de Agosto de 1919, após a terceira Guerra Anglo-Afegã, o país recuperou a sua independência plena do Reino Unido.

fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Afeganist%C3%A3o

segunda-feira, 19 de julho de 2010

Uma canção para Ludmilla

Se com seu sorriso eu acordo
Feliz sou sempre
Os medos são tênues sombras
Feliz de mim
Se com seu sorriso eu acordo
As angústias meras marcas
Um passado distante
Feliz, ora!
Se com seu sorriso eu acordo

quinta-feira, 15 de julho de 2010

O júbilo da espada


O júbilo! O júbilo da espada. Eu estava dançando de júbilo, a alegria fervilhando dentro de mim, o júbilo da batalha do qual Ragnar falava com tanta frequência, o júbilo do guerreiro. Se um homem não o conheceu, não é homem. Aquela não era uma batalha, não era uma carnificina propriamente dita, apenas uma matança de ladrões, mas foi minha primeira luta e os deuses tinham se movido dentro de mim, tinham dado velocidade ao meu braço e força ao escudo, e quando terminou, quando dancei no sangue dos mortos, soube que era bom. Soube que era mais do que bom. naquele momento poderia ter conquistado o mundo e meu único lamento era porque Ragnar não pôde ver, mas achei que ele poderia estar me olhando do Valhalla. Levantei Bafo de Serpente para as nuvens e gritei o nome dele. Já vi outros jovens saírem da primeira luta com o mesmo júbilo e os enterrei depois da batalha seguinte. Os jovens são idiotas, e eu era jovem. Ma era bom.

O Último Reino (Crônicas Saxônicas - Livro I) - Bernard Cornwell

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Ócio

Depois de dar um tempo, o ócio total voltou a dar as caras aqui na empresa. Preciso de idéias para ocupar 8 horas de frente para o computador.

Preciso de idéias para ter um ócio criativo.

terça-feira, 29 de junho de 2010

Money for...nothing?


Devia ser uma regra fundamental de todas as empresas esconder o valor do salário de todo mundo do alcance da nossa vista...

Fui dar uma informação lá no RH e vi (sem querer!) o salário de um Coordenador. Pior coisa que fiz no dia, demorei horrores para pegar no sono - shit!

Vou abstrair...eu consigo!

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Přejít Slovensko

Semana passada entregamos no aeroporto uma Rutina para ser transportada para Bratislava...era o destino, mesmo que tudo dê errado, ainda sairemos da Copa como o único país 5 vezes campeão do mundo!

Ciao Italia! Přejít Slovensko!

Olinda e a surpresa do Restaurante.


Organizamos uma viagem para um Congresso (acho que era o Congresso Pernambucano de Farmacêuticos de 2004 - ?), eu era do DAFAR na época e levamos 2 ônibus para o Albergue da Juventude de Olinda. Stress, tensão, tudo e mais um pouco.

No penúltimo (último) dia, o roteiro era Porto de Galinhas, eu já estava liso (óbvio) e alguns amigos estavam cansados (ou lisos também!). Ficamos no Albergue (jogando Uno).

Na hora do almoço procuramos algum lugar perto de onde estávamos e fomos a um restaurante bem bonitinho (quando eu chegar em casa e olhar a minha geladeira posto o nome). Comemos Bife à Parmigiana...muito bom, por sinal.

No final do almoço e após termos feito amizade com o garçon, ele chega e solta:

- Vocês são turistas? Do Maranhão! Tenho um BRINDE ESPECIAL para vocês!!!

E saiu para dentro do escritório, cozinha, sei lá...

Nossos olhos brilharam! Afinal, a sorte nos sorriu - LISOS - o que imaginamos?

- DESCONTO, PRESENTES, VALE-REFEIÇÃO (humm, jantar vai ser legal!).

Nisso, volta o garçon:

- Tá aqui, ó.

- Imãs de geladeira...¬ ¬°...Legal...

Será que ele imaginou que iríamos ligar de São Luís pedindo uma entrega expressa de Bife á Parmigiana???

FDP!

Mas o imã tá lá...colado na geladeira para lembrar dessas coisas da vida (VDM, diria um outro Blog).

quarta-feira, 23 de junho de 2010

It's my aeroplane


Daqui a pouco estarei entrando num avião (bem, bem menor que este da foto) para Barra do Corda.

Calma, não é nada definitivo - apenas uma visita do dono da empresa e de um consultor - mas mesmo assim a simples menção das palavras 'viagem' e 'Barra do Corda' juntas já me deixa estressado.

Eu teria muito a falar sobre essa viagem e sobre esse avião, infelizmente não posso.

Vamos torcer para não termos turbulência - detalhe: meu chefe é metido a piloto.

terça-feira, 22 de junho de 2010

O ano da fertilidade



2010, o ano da fertilidade. Luciano vai ser papai do Enzo Gabriel, Raquel vai ser mamãe da Maria Eduarda...sem falar que já sob a influência de 2010, a Nina foi mamãe da Laura!

Não tenho medo dessas coisas, mas é bom prevenir. Já avisei a outros amigos: Cuidado, 2010 é o ano da fertilidade!

Falando um pouco sério, tenho muita vontade de ser papai (óbvio que sei que não é a hora!).

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Puerto Rico


Puerto Rico...

Eu já moro em uma ilha...se bem que PR é menor que São Luís (Eu acho, será? Vou pesquisar!). Conclui a pesquisa (rs...PR é mais de seis vezes maior: 9.104 Km² contra 1.410 Km²).

Puerto Rico x S. Luís x Barra do Corda

Vamos às análises:

Hoje iremos comparar a História das localidades:

Porto Rico é um lugar onde as pessoas são o ápice do que é ser 'encima-do-muro', foi descoberto em 1493 pela Espanha e 'cedido' em 1898 aos EUA. Em 1998, em um plesbicito, os portoriquenhos decidiram que não queriam ser o 51º estado americano, nem ser independentes! Ou seja, um povinho sabonete!!

São Luís é um lugar onde as pessoas brigam muito, por muito pouco. Em primeiro lugar, os Tupinambás (que já moravam aqui desde o ano 200) dificultaram a vida de um tal João de Barros (capitanias hereditárias), expulsando o português. Chegaram os franceses (em 1612 fundaram o Forte de Saint Louis), que se aliaram aos índios (oferecendo perfumes franceses caríssimos - era um tal de índia usando 212 Sexy...) contra os portugueses (que vieram de Pernambuco para reivindicar o que era seu (???).

Depois de muita briga os Manoéis venceram e quando estavam começando a curtir as praias chegou a Laranja-Mecânica, com Cruyff, Gullit e Van Basten que expulsaram os Joaquins e viveram aqui por 3 anos. Sendo expulsos pelos comedores de pizzas com ovo e cebola (eca!).

Nos dias atuais a briga também acontece da mesma maneira, sendo que umas tribos usam cores vermelhas e outras usam amarelo e azul. Mas o resultado é o mesmo - muita briga por nada...

Barra do Corda é oriunda de uma história mal-contada. Um cearense chamado Manoel Rodrigues de Melo Uchoa, engravidou uma mulher e fugiu pelo interior do Maranhão...quando pensou estar longe o bastante, fundou a cidade de Barrado Corda, entretanto a barriguda D. Hermínia Francisca Felizarda Rodrigues da Cunha foi atrás dele, que mesmo mandando um índio avisar a ela que ele tinha morrido não se livrou e teve que iniciar a povoação da cidade com sua família.

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Mania de Escrever



Não sei vocês, mas uma vez ou outra já parei para tentar entender minha relação visceral de falar e de escrever. Sempre asssociei o gosto pela escrita ao gosto pela leitura...caramba como é bom ler um livro!

Mas depois de um tempo, começo a achar que tem mais a ver com minha patológica ansiedade.

Acho que falar é uma compulsão que tenho e quando não consigo falar tudo o que penso, desato a escrever. Não no Blog, que é onde menos tenho 'pisado'.

Hoje acordei com vontade de jogar as coisas para o alto e passar o dia na praia, apenas escutando o mar e lendo um livro de suspense (pode ser do dan Brown, não me importo...).

Gostaria de escrever mais aqui, vou ver se me faço um pouco mais disciplinado.

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Barra do Corda


Desde que comecei a trabalhar as coisas aconteceram rápido, há um ano atrás escrevi isso. Hoje, mais novidades.

No final do ano passado a 'nossa operação', como gostava de falar meu antigo líder (ele odiaria ser chamado de chefe), foi comprada pela nossa atual empresa.

Uma tábua de salvação, para um negócio que vinha dando prejuízos mensais em sequência.

Mas a visão mudou...

Se tínhamos duas unidades no Maranhão (uma em São Luís e outra em Barra do Corda), passaríamos a ter apenas uma...

Cara, eu tive a sorte de viajar muito pelo Brasil (Manaus, Fortaleza, Recife, Salvador, Brasília, Palmas, Vitória, São Paulo, Curitiba, Porto Alegre) e reconheço todos os defeitos que minha cidade tem. Mas ir morar em Barra do Corda, nunca fez parte dos meus planos.

Não sei o que fazer.

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Mercado de Ações

Eu pesquisei, estudei, testei, simulei e acabei decidindo (depois de ficar de saco cheio com a rentabilidade da poupança - 0,5% ao mês é uma imoralidade!) que iria colocar uma parte das minhas reservas no mercado de ações.

Isso faz pouco mais de 1 mês, e é óbvio que o volume não é grande coisa. Mas sabe que a coisa é extremamente interessante!

Isso vicia!!!

terça-feira, 1 de junho de 2010

Demissão


Quando pensamos que 'às vezes uma demissão pode ser uma nova grande oportunidade', nunca consideramos a ruptura na vida de quem demitimos.

O que fazer? Como é a vida 'lá fora'?

Hoje em dia, com brados neoliberais afirmando que o Estado 'não tem que ligar pra isso', índices de desempregos são 'apenas' indicadores econômicos para analistas.

Mais uma vez vou demitir. Mais uma vez 50 pessoas vão se sentir barcos à deriva.

terça-feira, 18 de maio de 2010

Pneus do Alonso em Mônaco


Ffigueiredo, não dá para ter a real noção do estrago, mas por ter 16 voltas a mais (mesmo considerando um desgaste menor) não estava no nível dos pneus do Schumacher.
Se você observar bem o dianteiro direito, dá para ver a granulação da borracha e os macarroezinhos.

sábado, 10 de abril de 2010

Vida de adulto


Vida de adulto é uma coisa complicada. É muito mais fácil brincar de Banco Imobiliário, jogar Playstation, assistir Tom e Jerry.

Quanta impertinência do destino em tentar nos desestabilizar, em nos fazer questionar escolhas que nós não fizemos.

Ainda que nos sobre um pouco de calma e um restinho de bom senso para avaliar e ver que está tudo certo e no seu lugar, os pensamentos desesperados vêm à tona.

Calma, ainda dá tempo de brincar de Jogo da Vida, Cilada e Pega-palito...

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Corrida!

Cara, como eu corri. Corri demais, não parei para caminhar.

De vez em quando eu olhava para trás, mas apenas no pensamento, nada de virar a cabeça. E quando o barulho aumentava, eu acelerava para parar de ouvir.

Eu corri, corri e corri.

E ainda corro, talvez um pouco menos rápido. Mas corro.

Um dia eu volto, para o lugar de onde parti. Mas volto correndo!

domingo, 7 de fevereiro de 2010

Rebu, Atração Fatal e Toque de Ira

Eu sou um completo ignorante na arte 'manicurística'. Até mesmo pelo fato de, desde que eu me lembre, nunca ter tido unhas! Mas isso não me impediu de acompanhar Ludmilla em uma odisséia em busca do esmalte perfeito.

Olha, eu adoraria saber o que se passa pela cabeça de quem batiza aquelas cores! Rebu, Atração Fatal e Toque de Ira, não podem ser nomes de cores...isso é simplesmente loucura (ótima sugestão de nome). Celeste, me lembra azul claro e não rosa cintilante! Luar é diferente de branco!

Gente, alguém me ajude...essa semana vou comprar tintas (já devo imaginar o que me aguarda...).

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Sobre ter certeza


Às vezes, nossas maiores certezas parecem absurdos aos olhos de quem está ao nosso redor.

Daqui a uma semana vou me casar. Conheço minha noiva há 2 anos e namoramos há 6 meses, mesmo assim vejo pessoas achando um absurdo eu me casar...

Vou falar pra vocês, eu fico puto.

Quanto tempo se leva para ter certeza de alguma coisa?

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Sobrinho


Aí, veio aquela sede de vingança. Aquela vizinha chata, do apartamento de baixo, ia ver o que era barulho.
Foi fácil, chamar a galera, mais fácil ainda aumentar o som e começar a pular...
Lá pelas dez da noite, após muita gritaria abafando o barulho do cabo de vassoura no teto, a campainha toca.
Silêncio geral, eu fui atender a porta:
- Caraca! Um policial!!
Abri a porta, já tremendo:
- Boa noite, meu nome é Fulano, sou policial militar e sobrinho da D. Cicrana, posso entrar?
- Cla-claro...
- Gente, vamos todos nos dar as mãos, vocês estão precisando de Deus, vamos orar...
!!!!

Nico Rosberg


Não é meu piloto favorito, mas se colocar o 'gênio' Schumi no chinelo vai ser demais! Confiança é o que não falta ao piloto da nova geração.

- Eu pensei que Jenson Button ia ser meu companheiro, mas ele foi para a McLaren e fiquei realmente surpreso. Agora, com Schumacher como companheiro, eu tenho o melhor que há perto de mim e não poderia sonhar com mais. Não tenho nada a perder. Tenho o ponto de referência na F1, em dez ou até cinquenta anos as pessoas estarão falando sobre Michael Schumacher. E a coisa mais importante é que teremos equipamentos iguais - disse Nico ao jornal francês "L'Equipe".

Antes mesmo do início da temporada, Nico teve de trocar o número do carro com seu supersticioso compatriota.

- Quando eu ganhar no Bahrein, que é o meu objetivo, ninguém vai se importar mais com os números dos carros. Tenho as armas para lutar contra o melhor piloto de todos os tempos.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Os problemas do mundo?


E que dificuldade eu deveria ter para entender que não tenho capacidade para resolver todos os problemas do mundo?
Que há coisas que eu não devo saber...
Que existem fatos que não estão (e não devem estar) ao meu alcance...
Só mesmo uma pessoa egoísta e megalomaníaca para não entender isso...
Ainda estou longe de ser quem eu quero!

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Ludmilla



Eu sei que muita gente acha piegas e um saco 'post homenagem'. Fazer o que né?

Não há a menor possibilidade de eu não registrar aqui que em menos (bem menos) de um ano nós já sofremos um acidente de carro juntos, ela já me levou pela primeira vez num Circo, eu já a levei (primeira vez de namorada) para conhecer o Pindoval, ela já me levou para passar 1 mês na casa dela, já viajamos juntos mais de 4.000 Km, ela já passou uma quarentena de catapora na minha casa para não se contagiar...e um monte de outras coisas incríveis!!!

Não há a menor possibilidade de eu não escrever aqui que ela é a pessoa mais honesta, humilde, justa e boa que conheci nesses 29 anos de corrida...

Não há a menor possibilidade de eu não falar aqui que eu amo você, viu?

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Muita coisa...



Tem muita coisa acontecendo! Mesmo aqui no trabalho, aonde estava passando horas de tédio, essa semana as coisas deram uma esquentada. Tá rolando uma grande 'briga' pelo poder na Fábrica, tá rolando uma grande decisão sobre o futuro profissional de 2 grandes amigos (a empresa quer que eles fiquem, mas eles estão tendendo a sair), tá rolando a perspectiva de uma campanha de Rutina para Rússia e rolou minha tão aguardada promoção. Isso mesmo! Agora já posso colocar no currículo que sou Coordenador de Produção...boa maneira de comemorar o Dia do Farmacêutico.

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Fúria


Uma fúria descomunal
Revolta incontida
O sangue escorre
Feridas abertas
E eu no meio disso?

Uma raiva animal
Adrenalina destilada
As faces feridas
Os corpos mutilados
E eu me acho inocente

Já não sei
Nem tento
Já sou pouco
Não sou alento

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Boring Day


Boring Day do @#$%&*¨%¢£³!

Geyse...


E quem viu a tal Geyse da UNIBAN no Fantástico ontem? Caramba, aquilo parece matéria paga. Dar IBOPE para quem só quer vender o corpo para alguma revista masculina é bem mais Gugu que Zeca Camargo...

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

No cartório


"Agora, você assina aqui e aqui" - disse a funcionária.
"Tudo bem" - respondi, satisfeito com o atendimento.
Enquanto eu assinava, veio subindo aquela euforia. De certa forma era um objetivo a ser atingido. Mas não era 'só isso', era muita coisa junta. Muito sofrimento chegando ao fim, ou ficando perto de chegar.
É uma fase completamente nova. E o melhor, eu me sinto uma nova pessoa. Não drasticamente diferente, mas uma pessoa bem melhor. Mais consciente dos meus defeitos e só por isso, muito mais ajustada ao meio.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

O que Ferris faria?


Eu agora me pergunto, o que Ferris Bueller faria se estivesse com 8 ociosas horas de trabalho?
Não é que eu não queira trabalhar...é que, como Coordenador de Produção, eu preciso que a Produção opere! E isso não deve acontecer antes de 1 mês.
Detalhe, dia 4 de janeiro me apresentei após 1 mês de férias...
E o pior, o dia está lindo. Já era para estar chovendo na ilha, mas o céu está azul e as praias estão lotadas...e eu estou 'de férias' no trabalho!
O que Ferris Bueller faria?

Terremoto no Haiti ou BBB 10?

foto: globo.com
Que nada...um GATO ser convocado para um júri é mais interessante!
Esse Planeta Bizarro...

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Meus 7 Pecados Capitais


Há alguns anos, respondi esta pesquisa que foi copiada do blog À Francesa. Resolvi ver o que mudou...

Capitulo Um: A IRA
1. Quem foi a última pessoa que te deixou irado? - Meu chefe.
2. Se pudesse escolher uma arma, qual seria? - Um trebuchet.
3. Você bateria em alguém do sexo oposto? - Não, definitivamente não...
4. E que tal do mesmo sexo? - Certamente...
5. Qual foi a última pessoa que ficou irada com você? - Acho que minha noiva (eu tenho esse poder, infelizmente).
6. O que te irrita profundamente? – A indecisão na minha empresa.
7. Você guarda ressentimentos? - Raramente.
Capítulo Dois: A PREGUIÇA
1. O que é algo que você tem que fazer diariamente e não faz há muito tempo? - Estudar.
2. Qual foi a hora mais tarde que você já levantou? - Acho que duas da tarde.
3. Uma pessoa que você deveria entrar em contato, mas nunca entra - Meu pai.
4. Qual foi a ultima desculpa esfarrapada que você deu? - Minhas desculpas nunca são esfarrapadas...rs.
5. Você já assistiu a um programa chato e longo só porque não queria se levantar? - Não que eu me lembre.
6. Quando foi a ultima vez que você se exercitou pra valer? – Em novembro, antes do concurso em Manaus.
7. Quantas vezes você apertou "snooze" no seu despertador hoje? - Hoje, nenhuma (mas se pudesse teria dormido mais umas 2 horas).
Capitulo Três: A GULA
1. Qual sua bebida favorita? - Coca-cola.
2. Pra quem come carne - carne branca ou vermelha? - Vermelha! Picanha!
3. Qual a maior quantidade de bebida que você já consumiu em uma noite? – Difícil dizer, mas deve ter sido muita Coca-cola...
4. Você já teve ajuda profissional pra dietas? – Só para tentar engordar.
5. Você gosta do seu peso atual? - Gosto, mas preciso aumentá-lo em 2 ou 3 quilos.
6. Você prefere comidas picantes, doces ou salgadas? - Doces e salgadas.
Capitulo Quatro: A LUXÚRIA
1. Quantas pessoas nuas você já viu pessoalmente (não conta amigos ou familiares)? – Nunca vi nenhum inimigo meu pelado...
2. Quantas pessoas já te viram nu? - Não sei, ninguém sabe quem pode estar olhando né?
3. Você já se pegou olhando pra alguma área do corpo que não devia enquanto conversava com um membro do sexo oposto? – Com certeza.
4. Uma pessoa famosa do sexo oposto que te atrai muito - Minha noiva.
5. Qual a parte preferida no corpo de alguém do sexo oposto? – Tudo.
6. Já pagou uma prostituta? - Não.
7. Ja fez teste de DST? - Já, deu negativo.
Capitulo Cinco: A AVAREZA
1. Quantos cartões de credito você tem? - Três.
2. Qual a loja cara que você adora? - AD.
3. Se tivesse 1 milhão faria o que? – Comprava um apartamento e uma franquia.
4. Prefere ser rico ou famoso? - Rico.
5. Aceitaria um emprego chatinho que pagasse uma grana preta? - Sim, sairia em algum tempo.
6. Já roubou algo? - Sim, batom garoto das Lojas Americanas.
7. Quantos MP3 você tem no seu computador? - Muitos.
Capitulo Seis: O ORGULHO
1. O que você já fez na vida que te deixou muito orgulhosa de si mesma? – Sim, com certeza.
2. O que você fez que deixou seus pais orgulhosos de você? – Passei nos vestibulares, em alguns concursos (o engraçado é que isso deve tê-los deixado orgulhosos mais que a mim mesmo).
3. O que você quer na vida? - Ser feliz resume tudo.
4. Fica com raiva se chegar em segundo lugar? - Muita raiva...(mas estou trabalhando para diminuir isso).
5. Já entrou num concurso sabendo que tinha um potencial muito maior que o dos outros competidores? – Sabendo não, achando já.
6. Já colou em alguma prova pra ganhar uma nota maior? - Nunca, mas ninguém acredita.
7. O que você fez hoje que te faz sentir orgulho de si mesmo? – Questionei decisões da Gerência.
Capitulo Sete: A INVEJA
1. O que um amigo(a) seu tem que você sente inveja? - Apartamentos.
2. Você gostaria de trocar de lugar com alguém? - Às vezes sim.
3. Se você pudesse ser qualquer pessoa no universo, quem seria? – Algum piloto de F-1.
4. Já foi traído? - Provavelmente.
5. Já quis ter alguma caracteristica fisica diferente de algo que você tem? – Sim, certamente.
6. O que na personalidade dos outros você queria ter? – Queria ser mais discreto, mais humilde e mais paciente.
7. Você está com raiva porque não foi você que criou essa pesquisa? - Não, nunca criaria algo assim, mas achei legal.
8. Qual é seu pecado capital favorito? – Luxúria!!! Rsrsrs

Estratégia, em grego strateegia, em latim strategi, em francês stratégie...


Eu simplesmente odeio discordar da estratégia adotada pela minha gerência. Sabem por que?
Porque discordar não adianta nada. Não vai mudar nada. Os planos não vão ser revistos.
E o pior é que a vida de muita gente depende muito dessas decisões. Dá vontade de chegar chutando a porta e vomitando a real.
No fim, eu sei que a culpa não é da gerência, as mãos estão atadas. Mas uma gerência de mãos atadas não é um gerência...
Fico preocupado, mas tenho que confiar...
ps.: e tentar não roer as unhas...

Onicofagia


Meu novo mantra é:
"Não posso roer as unhas..."
"Não posso roer as unhas..."
"Não posso roer as unhas..."
"Não posso roer as unhas..."
"Não posso roer as unhas..."
"Não posso roer as unhas..."
"Não posso roer as unhas..."
"Não posso roer as unhas..."
"Não posso roer as unhas..."

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Homens e Mulheres


Não sei se foi a Ilha de Siris ou se foram as comédias românticas que assisti este fim de semana. Mas estou intrigado. Por que os homens não enxergam um palmo adiante do nariz quando se trata de mulheres?
Já li explicações biológicas, já li textos curiosos, mas não consegui ainda chegar a uma conclusão das causas:

- de nós não conseguirmos decifrar o silêncio das nossas mulheres (isso é muito injusto, vocês conseguem decifrar até o significado do choro de um recém-nascido);
- de que quando vocês falam 'Não é nada', nós, idiotas, acreditamos!
- de nós não captarmos as mensagens subliminares que vocês mandam, dizendo 'Hoje, eu quero ficar sozinha!';
- de nós não entendermos, que, às vezes, vocês dizem que querem ficar sozinhas apenas para nós insistirmos em ficar junto de vocês!
Entre outros mistérios mais profundos...

Just Married

Ansioso...

sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Linda!


Aquela curva...


Eu fiz aquela curva pensando que ela não tinha fim
Pensando que era o começo de tudo
O começo de outro lugar
Outro lugar sem fim e sem endereço

Eu fiz aquela curva por que tinha que fazer
Por que que ela poderia me salvar
Poderia transcender o que me impelia

Eu fiz aquela curva sem saber se seria
Sem saber se seria a última ou a primeira
A primeira muitas
Ou a última de todas

Mas eu fiz aquela curva
E cheguei em outro lugar
Em outro lugar de onde não parti e por onde não passei

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Deslizamento...

Acho que vai haver algum deslizamento virtual e meu Blog e alguns Blogs vizinhos serão engolidos...essa visão me veio após uma overdose de Jornal Nacional / Bom Dia Brasil e Jornal Hoje.

Ô povo pra gostar de noticiar desgraça...

ps.: meu chefe me ligou e me pediu para fazer uma avaliação de uma planilha!!! AÊÊÊÊ!!!!!

Nossa, que tédio...


Argh! Estou aqui no trabalho desde as 7:10 AM, o momento mais emocionante foi o cafezinho, onde vi que uma construtora derrubou brita no asfalto em Brasília e alguns carros e motos derraparam...fantástico!
Tenho milhões de coisas para fazer, nenhuma aqui...quero me casar, quero sair para finalmente comprar um minúsculo apartamento na planta por R$ 150 mil (que financiado vai me custar uns R$ 240 mil e anos sem comprar livros, revistas e CDs e sem viajar!), quero correr na praia, quero passear com meus cachorros, quero namorar mais, quero jogar uma pelada sem compromisso, comer uma pizza, comer feijoada, fazer um churrasco...
Gastei todas as notícias do Globo.com, não quero saber de BBB 10!

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Paciência


Hoje em dia parece que passar em um Concurso Público é o equivalente a entrar no Paraíso sem passar pelo Purgatório.
E pelo mesmo motivo, não assumir um em que você foi aprovado ganha ares de heresia.
Mas como entre os pedidos para o ano está a paciência e a humildade, eu vou ficar na minha.
Com humildade para entender que não sei tudo que vai acontecer e com paciência para aguardar que aconteça o melhor para mim.